Namorar em ma

Bate-papo aqui: Boston, Estados Unidos da América. Mais de 485 milhões de pessoas estão aqui: Boston. Faça novos amigos aqui: Boston no Badoo hoje! Relacionamento com Mulheres Solteiras em São Luís - Maranhão, bate papo, namoro virtual ou real, encontre seu par perfeito em nosso site de relacionamento grátis para São Luís.Fotos de mulheres solteiras São Luís, contato, whatsapp e números de mulheres solteiras de São Luís.. Escolha abaixo uma mulher solteira em São Luís, que mais te interessar: Como Namorar. Namorar pode ser um difícil para qualquer um. Uma cantada e um convite para sair podem ser um belo de um fiasco tanto para a galera tímida e inexperiente quanto para os mais saidinhos e calejados na arte da conquista. No... Ei Grazi, calma.. Eu sei que tem muitas meninas aqui que concordam em deixar as coisas rolarem, bom, eu também não sou contra quando os dois querem esse tipo de lance. Certo? Primeiro, se fosse o meu caso eu tentaria conversar numa boa. Trepa ou sai de cima, amigo. Mas parece meio assustador né ... Mulher procura homem para encontros em Lisboa ou Porto (idades 25 a 60) Grupos evangélicos no WhatsApp. Participe dos grupos e compartilhe desta mesma fé em Cristo! Filmes e séries. Grupos do Zap para amantes do cinema e de séries. Veja os filmes em cartaz, curiosidades e mais informações relacionadas a Netflix. Jogos. Grupos no WhatsApp para jogos e jogadores. Você jogador compartilhe conosco seu grupo. No dias de hoje, as mulheres solteiras procuram combinar da melhor forma possível a sua vida pessoal com a profissional, isto porque a sociedade actual implica uma gestão de tempo extremamente eficaz, para que estas mulheres dividam o seu tempo entre estudos, trabalho, viagens, amigos, família e na esperança de encontrar a sua cara metade.. Porém, muitas destas mulheres solteiras procuram ... Em O INDEFECTÍVEL. de Poesia Moderna. Casou-se em 1968 com a também poetisa Alice Ruiz , com quem viveu durante vinte anos. Algum tempo depois de começarem a namorar , Leminski e Alice foram morar com a primeira mulher do poeta e seu namorado, em uma espécie de comunidade hippie. Ficaram lá por mais de um ano, e só. Em Geopedrados. poética. O nosso sistema detectou que você raramente responde a novas conversas. Especialmemte quando se trata de mensagens vindas de novos membros, pedimos que lhes dê as boas vindas para que eles não se sintam perdidos.. Nota: Você pode usar o AOutraMetade quando e como quiser, e o site continuará sendo grátis. O nosso único pedido é que você participe, sendo ativo nesta comunidade. Como Namorar Seu Melhor Amigo(a). Uma amizade forte e consolidada é uma excelente base para um relacionamento amoroso, mas você precisa tomar um pouco de cuidado com a maneira de fazer essa abordagem caso esteja pensando em namorar essa...

Talarica de plantão

2020.09.20 19:12 agente_infiltrado Talarica de plantão

(Antes de tudo, essa história n é minha, mas eu tenho permissão para postar, e ela vai ser escrita pela minha amiga q presenciou tudo.)
Olá Luba, Luna, Luno, editores, gatas, turma e possível convidado, irei contar algumas histórias q aconteceram, todas envolvendo a "Raynara" a maior talarica q já vi, então vamos lá.
-Um dia, Carlala se apaixonou por Carlolo (desculpe a falta de criatividade), eles começaram a se aproximar, e chegaram a conclusão de q os 2 estavam apaixonados, quando estavam quase namorando, Raynara descobriu repentinamente q estava apaixonada por Carlolo, apesar de nunca terem se falado (o amor é lindo 😭❤), ela começou a conversar com Carlolo, ela falava coisas pra ele (ninguém além deles sabe o q era mas sabemos q coisa boa n era), ela ficava se exibindo pra ele, fazia chamadas de madrugada e tals, Carlala descobriu o "caso" deles, o garoto disse q n queria mais nada com a Carlala, então Raynara e ele começaram a namorar, no recreio eles ficavam conversando, se beijando, ela sentava no colo dele, rebolava... Depois de 2 semanas terminaram.
-Outra vez, Monalisa GRANDE AMIGA de Raynara começou a gostar de Anlelé, sua paixão aumentava a cada dia, a talarica então, resolveu humilhar Monalisa todo dia, fazendo ela se sentir um lixo, q n merecia Anlelé. Seu amor foi diminuindo, então Raynara foi se aproximando de Anlelé, toda chance q ela tinha de mostrar os peitos e a bunda pra ele, ela mostrava, mas ele n deu moral pra ela, sempre tentava afastar ela. Raynara diz q namorou com ele, mas nada indica isso.
-Anabele, uma manipuladora, mentirosa, entre outras coisa, é amiga de Raynara, e ela sempre foi extremamente apaixonada por Feijoao, desde q viu ele pela primeira vez, ele também é apaixonado por Anabele. Raynara, só de ouvir sua amiga falar de Feijoao já se apaixonou, mas ele e Anabele só se conheceram pq participam de um grupo de teatro, então Raynara fez o q? EXATAMENTE, ela começou a fazer teatro só pra fazer uma talaricagem, ela conseguiu, começou a namorar Feijoao, porém, se lembram q Anabele n é flor q se olhe? (Eu sei q o correto é "flor q se CHEIRE", mas ela N É FLOR Q SE OLHE E PONTO FINAL!), ela convenceu Feijoao a iludir Raynara, ela caiu q nem patinho. Raynara descobriu, e agora fica se vangloriando pra Anabele q pelo menos eles namoraram, se beijaram e tals.
-Em meados de 2014, Polly começou a gostar do Meia, n rolou nada entre eles, e ela deixou de goxtar dele, em 2015, Raynara começou a frequentar a msm escola q Polly, elas viraram amigas, e de alguma forma Raynara ficou sabendo q Polly "estava" apaixonada por Meia (contaram a fofoca direitinho 👌), em menos de 3 semanas Raynara começou a namorar com Meia, era um relacionamento estranho, eles conversavam pelo WhatsApp como um casal, mas na escola ela ficava evitando ele é tals, mas n era pq ela tinha vergonha de descobrirem q eles namoravam, na vdd ela queria deixar claro pra toda a escola q eles estavam juntos (¿¿¿), e quase toda semana Raynara perguntava pra Polly se ela estava gostando do Meia, a amiga dizia q não, e Raynara apresentava ficar trixti com isso, então ficava dizendo pra Polly q Meia era incrível, era a melhor pessoa do mundo e Blá-blá-blá. Após TRÊS anos de namoro, o relacionamento deles ia de mal a pior, toda semana eles terminavam e voltavam. Em um dos raros dias em q eles n estavam separados, Raynara, Polly e outra garota estavam fazendo um trabalho escolar, Raynara começou com um papo estranho sobre o seu namoro, até q Polly disse q n gostava do namorado da "amiga", Raynara com uma cara de decepciona e indignada começou a questionar ela sobre isso:
"Como assim vc n gosta dele?!"
"É sério isso?!"
"Vc n tá apaixonada por ele?!"
"Vc n acha ele bonito?"
"Como assim vc n quer ficar com ele?!"
Polly disse de novo q n, q n queria ficar com o namorado de Raynara, a talarica continuou com cara de decepcionada, ficou claramente triste, e ficou com cara de choro (???), a outra garota começou a consolar Raynara, dizendo coisas bizarras, como "ain, eu n penso isso", "eu nunca falei isso aí", e outras coisas, deixando claro q ela pegaria o namorado da amiga, cês tão ligado q pra CONSOLAR A AMIGA ELA DISSE Q FICARIA COM O NAMORADO DELA, e pra piorar, isso funcionou como consolo, uns 3/4 dias depois, Polly viu Raynara super feliz, ela se aproximou e Raynara disse toda alegre q havia terminado definitivamente com o Meia, no meio do papo, ela percebeu q "precisava" fingir estar trite, então fez cara de pobre coitada desolada, mas qualquer um percebia q era mentira. Depois de uns tempos Polly e outras amigas dela chegaram a conclusão de q Raynara só estava com o Meia pq ela "descobriu" q Polly era "completamente apaixonada" pelo garoto.
-Essas são as histórias mais interessantes, o resto (q eu fiquei sabendo) são simplesmente ela ficando com o chush da "amiga" msm.
submitted by agente_infiltrado to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.20 02:35 Toddynho4321 Eu fui babaca?

Olá seres humanos, animais e plantas deste planeta (todos nós sabemos q o 6 andar não são humanos) já irei me desculpando pq pode ter alguns erros de português
Bom sou uma menina, sou bem novinha (13 aninhos) a uns 4/5 meses atrás eu instalei o Amino para entrar em um comunidade (mas acabei entrando em umas 10 kkk) mas era só para ler blogs e me atualizar um pouco sobre o mundo do k-pop (Já q não tenho muitas redes sociais para estar informada neah)
Mas tudo começou quando eu criei coragem para entrar no meu primeiro chat, importante ressaltar q isso aconteceu a uns 3/4 meses atrás (Eu sou uma pessoa com o pé atrás para falar com estranhos de modo geral) quando entrei uma pessoa me respondeu, e NA HORA o santo meio q bateu, os tínhamos os mesmos gostos, tipo músicas, jogos, doramas e etc. (Cara era tão louco que eu e ela tínhamos nomes parecidos) mas ok, amigamos e eu criei coragem para começar uma conversa particular com ela, nós conversávamos todo o dia, até q nós começamos a jogar um rpg (no RPG estavam eu, ela, a irmã, dela, e duas amigas nossas) Nos duas éramos um casal e tínhamos uma filha, só q em um belo dia eu decidi perguntar a ela se ela me amava de vdd, então eu falei o seguinte:
-Fulana, vc gosta de mim de vdd, ou é só zuera?
-Se vc gostar eu tbm gosto (disse isso pois não queira me iludir)
Então começamos a namorar de vdd (escondo,famílias preconceituosas e tals)
Mas aí q vem o problema, de umas semanas para cá, eu tive dúvidas quanto aos meus sentimentos por ela (sou bem indecisa, nunca soube sobre meus sentimentos e tals) então decidi esperar e tentar entender meu coração, mas adivinha? Não consegui.... Então tive uma conversa com ela (Nessa altura nós tínhamos trocado face, sim eu ainda uso, pois não tenho permissão para ter outras redes sociais, obs:EU sou do Centro Oeste e ela do Nordeste) Eu entrei em contato com ela pelo menssenger e expliquei oq estava acontecendo, de primeira ela não entendeu então eu disse:
Nessa hora eu senti uma facada no meu coração e com uma lágrima escorrendo disse:
A uns dois ou três dias eu fui falar com a irmã dela a pedido da rainara (Nossa amiga q namora com a carls a irmã da fulana) a irmã da fulana me disse o seguinte
-Se melhorar saiba que a fulana estará disposta para que vc queira ama-la novamente
Quando li isso comecei a chorar, pois não quero q ela me espere, esse sentimento de estar de reserva deve ser difícil, então só desliguei meu cell, e chorei muito, muito mesmo (eram 1:00 dá manhã, fui dormir apenas as 3:00, pq estava chorando ao som de We are bulletproof: the Eternal)
Mais ai vem a pergunta, fui babaca por terminar com ela, mesmo sabendo q ela me ama? Sério estou me sentindo horrível, não quero feri-la, nunca foi minha intenção, ela é muito importante para mim....
Acho q o maior erro desta história é o fato de eu ser k-popper 😔😔
Desculpa, Eu sei q ficou muito grande....
submitted by Toddynho4321 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.19 21:37 niallwhore Meu ex namorado estragou tudo e esse foi o maior favor que ele já me fez!

Segura que lá vem o textão com meu relato e uma mensagenzinha motivacional pra quem ta sofrendo por quem não te merece. :}
Esse ano eu conheci um rapaz por quem me apaixonei muito. A gente namorou por 5 meses e tivemos um relacionamento extremamente abusivo: ele me acusava constantemente de traição, não queria passar os finais de semana comigo, me agredia verbalmente, era obcecado com instagram e vivia brigando comigo por coisas fúteis relacionadas a redes sociais, não deixava eu ter amigos, não me avisava com antecedência quando ele ia sair pra visitar a amiga dele, sempre brigava comigo, ficava bravo quando eu comprava coisas pra mim, colocava palavras na minha boca, não confiava em mim nunca, ficou do lado do cara que me abusou psicologica e fisicamente - ao invés de acreditar em mim, ele ficava jogando essa história na minha cara como se eu tivesse culpa, além de tudo ele tinha CIÚMES do cara que me abusou. Enfim, comi o pão que o diabo amassou.
Foram 5 meses levando porrada, até que um dia ele desistiu de mim e terminou comigo. A justificativa dele era que eu ficaria melhor sem ele - ao invés de tentar trabalhar as coisas que estavam ruins, ele decidiu fugir. Ele terminou comigo umas 10 vezes enquanto a gente namorava e depois voltava atrás, mas essa última vez eu fui forte, peguei as palavras dele, aceitei o término e não voltei atrás.
Lidar com esse término tem sido extremamente difícil, porque eu ainda o amo demais, eu sinto falta dele todos os dias. Porém, desde que ele terminou comigo eu me apeguei aos meus amigos que se importam comigo, me reaproximei dessas pessoas e aprendi a ser um bom amigo novamente e estar ali pra eles.
Perder o direito de ter amigos quando eu namorei me fez valorizar muito mais as minhas amizades. É muito ruim e assustador não ter ninguém.
Estou passando por maus bocados, mas eu fico muito feliz de ver que não estou sozinho, sabe? De ter meus amigos e minha mãe me apoiando e me fazendo sentir como uma pessoa boa novamente (porque quando eu namorava ele fazia acusações tão graves sobre mim que saí me sentindo o pior monstro do mundo).
É bom demais desabafar com as pessoas próximas e não ouvir como resposta um “fica tranquilo que vai dar tudo certo” ou não me culparem por estar me sentindo mal e brigarem comigo igual meu ex fazia.
Eu estou podendo jogar videogame de novo, e não fico mais triste de passar os domingos sozinho, porque afinal eu estou solteiro, e ta tudo bem. Além de tudo, todo o espaço vazio que o fim do relacionamento deixou, eu estou usando para desenvolver projetos pessoais e profissionais, inclusive tenho uma amiga que ta me apoiando e me inspirando muito a explorar cada vez mais os meus potenciais.
Meu ex se arrependeu muito de ter terminado comigo e deixou claro várias vezes que faria de tudo pra me recuperar. Ele me disse que mudou, que se voltássemos a namorar tudo seria diferente, etc. Por mais atrativo que isso fosse, porque eu ainda o amava (e ainda o amo), eu fui forte e sempre tentava lembrar de tudo que eu fui forçado a deixar de lado porque ele mandou. Sem contar que o fato de ele ter me culpabilizado e me feito lembrar tantas vezes do abuso que sofri foi algo que eu não consegui perdoar.
Enfim, as semanas foram passando e depois de tantos surtos, indiretas injustas sobre mim que ele ficava postando nas redes sociais, entre outras coisas como o fato de ele ter ido brigar com uma amiga minha porque ela deu unfollow nele no instagram e de ele ter seguido um conhecido meu e dado block nele em sequência, as coisas foram acalmando um pouco. Ele parecia realmente estar mudando, e obvio que isso mexeu com meu coraçãozin de gado.
Embora não tivesse sido o bastante pra eu voltar pra ele, foi algo que me fez não querer afastar e tirar ele da minha vida. Eu deixei uma janelinha aberta pra ele entrar, caso se comportasse. E depois de vários dias que a gente estava se dando bem, eu decidi que iria acompanhar ele em um exame que ele ia fazer e ele falou que queria que eu fosse junto.
Eu fui acompanhá-lo e na hora de ir embora, ele disse que queria voltar pra mim e tal. Então eu conversei com ele durante horas com a maior honestidade sobre tudo que eu tava sentindo, e eu concluí a conversa dizendo a ele que se eu realmente sou o amor da vida dele e se ele realmente estivesse mudando, o tempo eventualmente iria mostrar e a gente iria acabar ficando juntos se fosse para ser. Ele disse que estava disposto a deixar o tempo mostrar que ele estava falando a verdade, então embora a gente não tenha decidido se afastar de vez nem voltar, a possibilidade tava ali no ar caso ele quisesse agarrar.
A conversa foi na quarta-feira. Quinta-feira eu segui no instagram um amigo de longa data com quem eu havia perdido contato. Em um plot twist bizarro, meu ex uma duas horas depois desse follow veio querer tirar satisfação comigo referente a este amigo que eu segui. Sendo que a gente tinha conversado sobre como esse tipo de comportamento dele era nocivo um dia antes.
Mano, eu fiquei puto com ele e me permiti surtar e falar o quanto que ele foi invasivo e o quanto essa situação foi fodida. Eu fiquei tão irritado com o que ele fez que não queria mais falar com ele. Ele me ligou algumas vezes durante a madrugada e mandou inúmeras mensagens implorando pelo perdão. Mas eu precisava ficar sozinho pra processar tudo aquilo.
É, galera, quando a gente ta apaixonado a gente é trouxa o bastante pra se decepcionar com a pessoa mesmo ela ja tendo vacilado com você inúmeras vezes antes.
Beleza né, no dia seguinte descubro que ele seguiu outro amigo meu com quem não tenho mais contato no instagram (e meu ex morria de ciúmes desse menino, porque nós já fomos muito próximos como amigos e tinha algumas fotos com ele no meu instagram). Além de ele ter dado follow no menino, eles trocaram vários likes em fotos. Eu vi aquilo e decidi que iria retirar meu ex das minhas redes sociais, eu chorei muito muito mesmo, mas beleza.
Menos de uma hora depois meu ex começou a me ligar de novo e implorar pra eu conversar com ele, porque ele não iria aguentar me perder e que precisava de mim. Eu primeiro tive que mandar uma foto minha chorando pra ver se ele acordava pra vida de que ele foi longe demais e depois fui bem grosseiro ao pedir para ele me deixar quieto. Ele disse que iria me deixar quieto, mas implorou pra eu não sumir de vez e encerrou com um “te amo, até”.
Depois dessa conversa fui conversar com esse meu amigo que ele seguiu no instagram, e o meu amigo disse que tinha conversado com meu ex pra tirar essa história a limpo (pra ver se ele ainda tava namorando comigo e tals) e meu amigo falou que meu ex disse que já tínhamos terminado e ele não queria mais ter nada a ver comigo. Além disso, meu ex falou sobre mim com deboche pra ele, como se o relacionamento tivesse dado errado e acabado por minha culpa.
Bom, gente, eu tinha tudo pra ficar arrasado com isso tudo, porque uns minutos antes o menino tava implorando por mim enquanto ele dava em cima de alguém que eu conheço e já fez parte da minha vida. Ele me acusou de traição durante 5 meses, e quem se provou um grande mentiroso e um traidor do mais baixo nível foi ele. Ontem eu finalmente entendi que ele tentava constantemente me diminuir e dizer que eu sou péssima pessoa, porque na verdade era ele quem fazia tudo isso e ele só estava projetando essas coisas em mim.
No final das contas, embora eu esteja muito triste, eu estou muito grato por ele ter estragado tudo e ter mostrado quem ele realmente é. Imaginem que merda se eu tivesse acreditado nele e voltado pra ele? Fico imaginando quantos chifres que eu levei durante esse relacionamento e fico muito feliz que todo esse abuso acabou.
Eu não estou contente, mas eu estou extremamente satisfeito que estou aprendendo a viver minha vida sem ele e me recuperando de um monte de merdas que aconteceram na minha vida (até antes mesmo de eu ter conhecido ele) ao lado dos amigos que se importam comigo e da minha família. Estou extremamente carente, mas eu nunca vou me submeter a voltar com alguém que me traiu dessa forma e ter esse conhecimento é tudo de bom, é libertador saber que quem mais apontou pra mim é a pessoa que mais fez as cagadas que falava que eu fazia.
Tudo isso pra eu dizer, meus amigos, que tudo bem sofrer por amor. Sua vida vale muito mais que um relacionamento abusivo ou alguém que te ilude. Se você ta malzão ou malzona porque seu amor te maltrata, te humilha, trai ou mente pra você, aprenda a se amar em primeiro lugar porque você tem potencial de fazer coisas incríveis! Onde há vida, há potencial.
Se você ta se sentindo sozinho se apegue aos seus amigos, se não tem amigos se apegue a sua família. Vai conhecer gente nova, às vezes perder uma pessoa nos faz sentir que estamos perdendo o nosso mundo, mas nós ainda teremos um universo inteiro para explorar.
submitted by niallwhore to desabafos [link] [comments]


2020.09.19 07:02 flavio_brazil Estou numa montanha russa de emoções

Tudo começou no primeiro ano do ensino médio, atualmente estou no terceiro, tinha uma amigo que vivia cmg desde o quinto ano. Todavia pelas engrenagens do destino, ele começou a me ignorar, e passou a ficar com outro grupo. Até aquele momento, tudo bem tudo normal, o foda foi que ele começou a ignorar me na vida online, pois vivamos jogando CS. A partir desse momento comecei a ficar deprimido, mas o pior de tudo é que ele e mais um amigo meu antigo destruíram meu sever do discord, no qual eu tinha mto apreço. Após tal feito, entrei em depressão, pois me senti tanto traído, como abandonado. Segundo ano veio, eu tentando me regenerar de tudo o que passei, tentei voltar tal amizade, mas n rolou, ent tive uma oportunidade única, consegui uma namorada e foi a melhor coisa q me aconteceu. Me adequei a um novo grupo, basicamente amigos q não eram tão próximos, que se tornaram bastante. Porém ao mesmo tempo que eu comecei a namorar, outros dois amigos tbm, o meu antigo amigo, e um dos novos. E durante o segundo ano meio q as mesas se viraram, pq eu estava bem, e ele tava tentando se encaixar num grupo, mas nada que me afetasse. Terceiro ano vem, e é um rio de merda, primeiro o meu amigo traíra, Henrique, nome fake, começou a tratar com o meu grupo pq ele queria entrar mas n se adequava, aí veio a pandemia, EAD fudido, ele aproveito e se distânciou realmente de geral, fisicamente e virtualmente, fiquei de boa pois pensei q nada de ruim ia acontecer. Entretanto, nossas namoradas ficaram amigas, por causa de um grupo de português, e começaram a se falar, criaram grupo e os krl. E tiraram uma ideia do cu, que queriam unir todo mundo, "meu grupo" e a namorada do traíra e o próprio. Eu puto recusei, pq já tinha superado, ent ao instante que eles criaram um grupo pra geral, eu quitei. Mas acontece que oq me fez bem, n fez pra minha namorada, pois as amigas delas, ficam falando que eu sou abusivo, estrupador, tóxico e justamente é tudo que eu quero evitar. Elas ficam falando merda no ouvido da minha namorada, e ela tá bem incomodada, mas n quer deixar de ser amigas pq ela n gosta de confusão, mas fica puta qnd falam mal de mim pelas minhas costas. Hoje falei com alguns membros do meu antigo grupo, inclusive um deles namora uma das meninas, eles vem me falando que não gostaram de reunir geral, pq o grupo realmente virou tóxico, e nem eles podem falar oq pensam, pois vem duas garotas militar se em pondo como se fossem superiores, o traíra sempre toca no assunto que eu n tô no grupo pra aumentar o ego dele, eu eu realmente só estou preocupado com minha namorada. Hj tbm por conta de ter chamados os membros do antigo grupo, as meninas acharam ruim, pq supostamente eles estão falando com o inimigo (eu)
Desculpa erros, normas gramaticais, tá tarde da noite e pontuação não é mto minha área. Sei q meu problema é bem leve comparado a muitos aqui, mas só queria desabafar Abraços
submitted by flavio_brazil to desabafos [link] [comments]


2020.09.19 00:24 Hir4i Eu sou gay e namorando, mas meu namorado pode ser trans

Eu estou junto com ele faz alguns meses já, eu realmente amo ele... Eu realmente acho que ele é o cara da minha vida, eu amo ele mais que tudo... Mas ele vem questionado se ele pode ser trans ou não... Normalmente tudo ficaria tranquilo mas... Eu sou completamente 100% gay... Eu não sei se eu conseguiria continuar com ele... Mas isso me dói tanto... Tanto... Eu amo tanto ele mas eu simplesmente não consigo namorar uma mulher... Eu não quero que isso acabe também... Eu tô em um desespero tão gigante porque eu não quero perder ele... Ele foi a primeira pessoa que realmente me mostrou amor e agora tudo pode acabar por causa disso... Ele falou que vai ignorar esse sentimento mas eu não sei se isso vai afetar ele... Eu quero ele BEM, mas ao mesmo tempo eu não quero perder ele...
submitted by Hir4i to desabafos [link] [comments]


2020.09.18 18:52 lucascorneo O pior aniversário

Olá Luba, editores, pessoas que estão a ver, Gatas, e qualquer forma de vida que esteja vendo esse belo vídeo, hoje vou contar a história da grande desgraça que foi meu aniversário. 
No final de 2017, eu tinha conhecido uma garota no interclasse da minha escola, ela era muito gata, querida, e muito interessante, foi paixão a primeira vista KKKKKJ. Começamos a conversar, e na outra semana a gente ficou, encaixou o beijo e foi ótimo, continuamos conversando. Em março, eu iria fazer uma festa de aniversário, e convidei alguns amigos, entre eles, a minha "namorada" e minha melhor amiga. A festa foi ótima, dançamos muito, cantamos, comemos, e fomos pra dentro. Chamei ela pro meu quarto, e começamos a se pegar, mesmo bagulho de sempre, e tava um clima ótimo. Achei o momento perfeito para pedir ela em namoro, ela aceitou, nos beijamos, foi lindo. Após isso, ela foi pro outro quarto, ( no qual estavam minha melhor amiga e uma outra garota) para contar a atual notícia. Até aí tudo bem. Namoramos mais uns 2 meses, e ela me falou que queria me contar um negócio, beleza, falei que tava livre e ela começou a escrever, ela me contou que na noite do meu aniversário, no momento que ela tinha ido contar pra minha "melhor amiga", elas tinham ficado, e eu fui traído 5 min depois de começar a namorar. Hoje em dia eu racho o bico rindo dessa história. Mas não acabou por aí, eu "desculpei" ela, e continuarmos namorando, na minha cabeça só passava uma coisa, eu precisava me vingar, não podia sair por baixo nesse negócio, até aí tudo bem, fiquei de boa e esperei o momento certo pra dar o troco Até que chegou um dia completamente triste, meu bisavô tinha morrido, e eu fui triste pro velório, chorei de mais, tava bem triste. Lá, vi minha prima, e ela tava com uma amiga, a Rainara, ela foi completamente querida, e muito compreensiva, gostei muito dela, e nos começamos a conversar. Passaram-se uma semana, e eu fui de novo pra cidade da minha bisavô, pra missa de 7 dia, e advinha quem estava lá, exato, a Rainara, e advinha o que eu fiz? Exato, fiquei com ela, dando enfim o troco na minha ex. No outro dia, contei pra ela, e esfreguei na cara dela, que eu tinha dado o troco nela. Hoje me sinto mal por ter pegado a garota numa data tal triste, e por um motivo tão ruim. Essa foi minha história, sei que faltaram alguns detalhes, mas se fosse para ler tudo, iria demorar muito tempo, te amo ❤️
submitted by lucascorneo to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.18 17:16 Rafael8353 Talvez não era pra ser...

6 meses atrás eu conheci uma garota, ela é linda, inteligente, trabalhadora... Resumindo, ela é incrível. A gente começou a conversar e tudo mais, então fomos ficando cada vez mais próximos, começamos a se ver e descobri que ela é de igreja evangélica e que por causa disso ela não ficava com qualquer pessoa, ela ficava apenas se fosse para namorar. E eu concordei, afinal eu nunca tinha namorado antes, era algo que eu queria muito e nunca tive capacidade de ter em todos os meus 18 anos de vida. Então a 5 meses atrás nos começamos a namorar, foi um relacionamento complicado por causa da distância, nós somos de cidades diferentes e ainda tinha o problema da pandemia, isso ocasionou que a gente se viu apenas 1 vez durante toda a pandemia. Isso concerteza esfriou a relação para ela e tudo mais, mas como eu nunca tinha namorado ninguém antes, independente disso, eu tava feliz. E então começaram a ter as brigas, ciúmes e ainda discussões sobre a religião, eu sou católico mas não sou praticante, ou seja, não sou de ir na igreja. Já ela é evangélica e vai na igreja 4 vezes por semana. Ela disse que a gente não poderia namorar se eu não fosse na igreja com ela, eu como um bom namorado falei que iria, justamente para apoiar ela né, já que é algo que ela gosta e tudo mais. Desde que não precisasse me converter ou algo do tipo. Ela aceitou isso tranquilamente e então ficamos de boa. Mas aí ela mudou de opinião, ela disse que eu precisaria me converter se não a gente não poderia ficar junto, isso foi um baque para mim, por que eu teria que mudar totalmente as minhas crenças e tudo mais e foi um momento difícil demais para mim, foi muito difícil para mim engolir que eu precisaria mudar o que eu sou para continuar com ela. Mas eu mudei, pouco a pouco, mudei e acabei me "convertendo", mudei as minhas crenças e comecei a ir na igreja dela. Mas isso de mudar quem eu era começou a me matar por dentro, eu tinha que deixar de acreditar em coisas por que ela queria e isso me matava. Mas tudo bem, eu continuava levando isso e até mesmo mudei ela também, ela era uma pessoa muito estressada, ajudei ela a ficar mais calma e etc. A gente fazia muito bem um pro outro, eu amo ela de um jeito que eu nunca tinha amado antes, na verdade. Nunca amei antes, ela foi meu primeiro amor. Mas então começamos a ter muitas brigas, no início do relacionamento ela era muito estressada e a gente brigava muito, conforme o tempo ela foi ficando calma e eu que fui ficando estressado, chegou uma hora que as coisas começaram a ficar tóxicas, eu admito que eu mesmo fui tóxico porque no auge do meu ciúmes eu proibi ela de ir ver um amigo dela (que ela já tinha tido interesse amoroso e eles ficaram algumas vezes e fizeram algumas coisas), não sei se o que eu fiz foi certo. E do mesmo jeito ela foi tóxica querendo que eu apagasse comentários de garotas amigas minhas em minhas fotos e etc. Chegou uma hora em que a gente só machucava um ao outro, apesar de eu saber que ela me ama e eu amo ela. Não tem ninguém que me olhe do jeito que ela olha e eu acho que isso é o que mais me machuca. Por que fui eu que terminei, foram 5 meses de namoro mas eu cansei das brigas, dos ciúmes, de tudo. Saturou sabe? E eu sei que esse termino vai ser bom tanto pra mim quanto pra ela sabe, mas mesmo assim isso dói... A gente sempre tentava conversar e resolver as coisas mas não adiantava de nada, me dói ter que deixar ela. Me dói lembrar que as risadas, as conversas, os beijos, tudo isso nunca mais vai voltar. Eu não sei se fiz a escolha certa, eu só sei que isso tá me destruindo. Eu sei que ela me ama por que ela me fala e me prova isso e eu também amo ela, acho que isso é o que mais me machuca sabe? Saber que os dois se amam mas não dão certo. É, talvez não era para ser...
submitted by Rafael8353 to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 18:24 babyXZ O universo é o nosso cupido

Oie lubinha, editores, pessoas de papelão, possível convidado, gatinhas e turma que está há ver. Essa é a minha complicada história de amor com meu melhor amigo. Corações foram partidos e vídeos mostrados a ex aqui, prepare-se. Apresentação dos personagens: meu melhor amigo: Carls; A ex dele: Janete; A namorada dele: Edina; Cobra falsiane (vulgo minha “amiga”): Clarissa Em meados de 2019, eu e o Carls estávamos em uma amizade bem próxima, sempre fomos amigos, mas nossa amizade ficou mais íntima depois que ele começou a namorar minha amiga Janete. Nossa amizade era bem “fofinha” sempre contava tudo pra ele e ele contava tudo pra mim, deixava no colo dele e ele ficava mexendo no meu cabelo, ele fazia o msm comigo. Nossos cantos na sala de aula era um atrás do outro. Com ele na minha frente e eu ficava mexendo no cabelo dele. Não tinha malícia nisso, então nenhum de nós víamos como algo que machucava a Janete. Até que um dia o relacionamento dele com a Janete acabou, eu perguntei o motivo e ele falou que ela tinha um vídeo em que ele estava deitado no meu colo na aula e eu estava mexendo no cabelo dele. Eu fiquei muito surpresa dele ter falado isso, em seguida ele falou que tava gostando de mim. Ele roubou um beijo meu. Eu fiquei em choque, eu sabia q gostava dele, mas não assim. Fiquei sem falar com ele depois disso, ele veio falar comigo e esclarecemos tudo. Ficaríamos como amigos, pq eu não poderia ficar com o ex da minha amiga (regra besta minha). O tempo passou o Carls voltou com a Janete, continuei amiga dos dois, mas não como antes. Dessa vez eu estava mais afastada e dei espaço pra eles. Eles acabaram depois de uma semana, dessa vez não perguntei o motivo. Passou um bom tempo e eu voltei a falar normalmente com o Carls, ele me contou o motivo. Dessa vez alguém falou pra Janete que a gente tinha ficado e não foi só uma pessoa. Teve um evento da escola e eu falei com ele em um lugar um pouco escuro e distante das pessoas, mas foi só falar msm, não foi nada d+. Eu nem lembro oq era. Eu não disse nada a ele, mas me afastei msm assim. Eu não queria magoar a Janete de novo, msm sem fazer nada. Ele descobriu quem mandou o vídeo da gente (oq acabou o relacionamento deles da primeira vez) foi a minha amiga Clarissa, nossa amiga, nossa colega de classe. Eu fiquei muito mal, muito mal msm, nunca imaginária algo assim dela, talvez meu detector de cobras estivesse quebrado. Ele me perguntou se eu ua fazer slgo, mas deixei passar. Num tinha mais oq fazer, eles já tinham terminado msm. Passou o tempoooo, nossa amizade foi morrendo, ele começou a namorar com a Edina, eu comecei a namorar com o Pedro. Eu acabei com o Pedro, participarmos de uma festa surpresa pra uma amiga nossa, ficou tarde, eu e ele fomos embora juntos (a casa dele era no caminho pra minha), quando estamos indo a sogra dele passou de carro e viu a gente junto. Estamos rindo um do outro, pq msm sem se falar nossa conexão é muito boa. Quando ele viu o carro da sogra ele falou “merdaaa, cê vai acabar outra relacionamento meu”. A gente riu bastante disso (não sei pq) e seguimos até a casa dele, deixei ele no portão, a mãe dele me viu e falou assim: Carls nem pra levar minha sogra pra casa você serve” e riu. Eu sai envergonhada, ela sempre deixou claro q me queria como sogra, mas outra bolas, ELE TINHA NAMORADA. Depois dai percebi que gostava dele. O relacionamento do Calrs com a Edina dura até hoje (tem quase 2 anos), a mãe dele se separou e é minha vizinha kkkk (obrigada universo, vlw msm) ele sempre senta na calçada e a gente fica meio que zombando um do outro (sabe quando alguém xinga, mas é com amor? ), nossa amizade quase nem existe, só nos falamos pra nos xingar msm. Daí semana passada ele fala pra minha mãe q tava do meu lado na rua : - ainda vou me casar com sua filha. E saiu de moto sem dizer nada. Fimm Não estamos juntos, tbm acho q não vamos ficar, ele ainda namora com a Edina e eu to falando com um boyzinho bem massa ai... Talvez o destino quera a gente junto, talvez a gente se case algum dia kkkkkk sla. O universo é meio loko. Kkkk
submitted by babyXZ to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.17 03:26 bielravoso "terminei" com ela, e eu me arrependo todo santo dia

Bom, mais ou menos em setembro de 2019 eu comecei a falar com essa menina, e acontecia que nos dois gostávamos um do outro então,meio que depois de alguns meses conversando nos decidimos ficar sério, mas nunca chegamos a namorar já que ela tinha medo da forma como os pais dela iriam reagir e ela tbm dizia que queria ficar nos estudos agora, e isso sempre me incomodou um pouco mas como gostava muito dela eu nunca fui de dar muita importância pra isso, pra mim só de saber que ela gostava de mim e que nos estavamos em uma espécie de relacionamento já era mais que o suficiente e sinceramente era só oq eu precisava, e tudo estava indo ótimo, nos estavamos conversando bastante e embora tenhamos todos poucos momentos só nossos esses momentos foram um dos melhores da minha vida, e tão nós tivemos nossas férias de dezembro e aí os problemas já começaram a surgir pois quando as férias acabassem ela não teria que trocar de escola, e como a escola era o único lugar em nós conseguíamos nós ver aquilo me deixou meio pra baixo, lembro que quando as aulas voltaram lembro de muitos momentos onde eu sentia extrema sdd dela mas infelizmente não havia nada que eu podia fazer, nós ainda estávamos juntos e estávamos conversando até que bastante por mensagem, porém a distância era algo que me incomodava muito, e eu sempre tentei encontrar um jeito pra que nós podessemos nos encontrar, e finalmente quando nos tínhamos encontrado o jeito perfeito essa merda dessa pandemia veio. Basicamente essa pandemia acabou mechendo com ela aparentemente, e ela constantemente sumia do WhatsApp e não falava comigo, porém quando ia olhar o Twitter ela estava lá sempre falando, sobre literalmente tudo e me incomodava que ela só começava a me ignorar então depois de um tempo decidi perguntar se ela ainda gostava de mim, e no fim da história acabamos terminando, e sinceramente eu me arrependo de termos terminado, agora eu me sinto mais sozinho do que nunca, e toda noite quando vou dormir fico umas 3 horas olhando pro teto lembrando das coisas que eu e ela tínhamos feitos juntos e simplesmente sinto como se eu só tivesse tacado essas memórias no lixo e que elas nunca servirao de nada, e esses dias ela postou algo que indicava que ela sentia algo por mim ainda e agora eu só estou muito confuso e chateado com tudo que aconteceu
submitted by bielravoso to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 02:18 GaabRevenge O amor existe?

Desde 2017 eu gosto de uma garota, sempre passei batido na vida dela, até que em 2019 ela entrou para a mesma escola que eu, nós 2 estávamos muito mais maduros, finalmente criei coragem de falar com ela na escola e acabou que viramos amigos, falávamos sobre tudo e era legal sabe, até que a gente começou a namorar, nos beijamos, até que um dia ela mudou completamente, saiu da escola, apagou suas redes sociais, no começo eu não entendi, dps descobri que ela tinha ficado com um professor da escola, aquilo foi um choque para mim, eu não critiquei nem falei mal dela, só aceitei e dei seu espaço, mas dps disso até hj nunca mais ouvi falar dela e fico preocupado todo dia, eu amava ela não tem como negar.
Alguém sabe se algum dia esse sentimento desaparece?
submitted by GaabRevenge to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 00:42 Enscie Como namorar uma mulher mais velha?

Pow tenho 24 anos, estudo e trabalho... Mas gosto de mulheres mais velhas tipo uns 35 a uns 42, pra não ter muita diferença de idade... E ai queria namorar uma nessa faixa de idade, e nem é fetiche... Ja fiquei com duas mulheres dessa idade e conversa, química e sexo bateu bem melhor... Queria arrumar, mas nem sei onde... Uma foi num chat da net, mas muito sorte mesmo ter achado... outra foi no ponto do ônibus... mas nem sei se arrisco algo assim hoje em dia... Dicas? ideias e tal?
submitted by Enscie to desabafos [link] [comments]


2020.09.16 14:29 brigaxxx ME AJUDA, NÃO CONFIO NA MINHA NAMORADA

Bom, vamos aos fatos. A HISTORIA É GRANDE DESCULPA!
Tudo começou quando minha ficante (que ja morava em outra cidade, porem não tão longe) se mudou para uma cidade a mais de 10 horas de distancia, um tempo depois que conseguimos se visitar começamos a namorar. Ela saia muito com as amigas do trabalho e havia feito um amigo que eu ja não gostava muito, um dia eu fui para uma festa nessa cidade com ela, com esse amigo (que eu sentia maldade nele) e outro conhecido dela, esse outro ficava me olhando diferente e falando umas coisas para sacanear e eu como não abaixo a cabeça tirava com ele também (essa parte da historia vocês vão entender no final).Quando acabou o contrato de trabalho dela, ela voltou para a cidade onde começaria a fazer o mestrado, la era onde ela tinha boa parte de amigas e amigos. No dia em que ela chegou na cidade ela fez um vídeo pro insta dando um shot e dizendo que estava com saudade da cidade, nisso no whats ela me mandou uma foto dela para dizer que estava tudo certo e tals, eu a elogiei bastante e ate esse momento do nosso relacionamento eu não tinha paranoia nenhuma. Quando chegou o final de semana para nos se vermos eu comecei a fuçar o celular dela pois sabia que ela conversava com um guri que ela ja conhecia a 6 anos e ja havia ficado com ele algumas vezes e eles as vezes estava na cidade. Foi quando eu vi a mesma foto que ela mandou para mim no dia do shot, ela mandou para ele! nisso embaixo estava escrito que ela queria que ele estivesse em lages. em uma briga futura comecei a jogar na cara dela essa intimidade deles que eu não gostava e tal... e alguns meses depois quando fui olhar a conversa deles estava apagada, porem eu sabia que eles haviam conversado... eu cobrei ela e ela sempre falando pra eu não me preocupar... Um dia estávamos na praia e eu estava usando o celular dela para usar a câmera, quando veio uma mensagem de um cara (q eu n conhecia) com apenas escrito na mensagem ''vou quarta-feira'', porem o resto da conversa não existia, foi uma mensagem aleatória, porem bem estranha, na hora ela estava deitada e eu fiquei muito puto achando que ela estava combinando com o cara, cobrei ela ela chorou e jurou pela família que não falava a anos com esse cara porem já havia ficado com ele no passado (q era outro amigo dela). Quase terminamos eu estava muito mal e minha paranoia só ia aumentando, então botei ela na parede e comecei a vasculhar tudo no whats, foi quando eu vi que uma vez, na primeira cidade do trabalho ela havia saído com esse amigo que eu sentia maldade sem me falar porem nesse dia ela falou q ia com uma amiga e não com ele, ela falou que ele chamou ela e como ela já ia chamou ele mas nem me avisou isso foi estranho eu já estava mais mal ainda, brigas aumentando eu paranoico ate que terminamos e voltamos a um tempo agora. Porem ela não fala mais com aquele amigo da foto, esses outros estão todos bloqueados e tal pois eu meio que larguei pra ela q preferia isso e foi feito. ela continua dizendo q nunca me traiu e o pior q eu não tenho prova, so situações estranhas sabe? A ultima coisa que achei foi o cara que era amigo do da cidade de longe que estava no carro sabe? ele dando moral pra ela e ela também dando moral porem nessa época não namorávamos e quase certeza q pela conversa rolou algo, mas ela diz q nunca ficou com ninguém depois que começamos a ficar. Atualmente estou tentando esquecer td porem ta muito difícil parece que só piora e eu só me maltrato pensando e não sabendo oq fazer pois quero confiar sabe? O pior de tudo é que a pessoa que ela é não aparenta ser uma pessoa q trairia. Isso tudo rolou nos nossos 2 anos de namoro, fora alguns detalhes que se eu contar vai ficar muito grande. Preciso da ajuda de vocês, gostaria de saber se devo confiar ou o que devo fazer pois estou sempre cobrando ela de algo e demonstrando um ciume, não posso ver ela no insta q ja fico pensando merda, e querendo cobrar ela ou coisa do tipo... e eu a amo mas ta foda... Eu me senti humilhado ao ir em uma festa que 2 caras ela conversava, um ela deu moral o outro saiu com ele sem eu saber e eu sem saber nada inocente lá...
submitted by brigaxxx to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 22:25 Yog-Shoghoth Tenho medo de conversar com pessoas

Desculpa o texto longo
Desde pequeno sou uma pessoa muito insegura, sempre sofri com bullying, seja verbal ou físico, de dentro e fora de casa, porém, nos últimos 2 anos, sinto que minha vida melhorou, hoje moro apenas com a minha mãe e estudo em uma escola bacana porém, ainda tem algo que me aflige.
Em todas as escolas que estudei nunca fui o garoto popular, sempre me sentei na frente e fiquei sozinho no intervalo, conhecia as pessoas porque elas vinham falar comigo para saber quem eu era, porém eu sempre gaguejava e morria de vergonha, ficava de touca longe de todo mundo lendo ( hábito que sempre tive muito por influência da minha mãe )
Porém, as pessoas que eu menos conseguia conversar eram garotas. Tipo, conseguia conversar tranquilamente com adultos, e com o tempo, aprendi a perceber sobre que assuntos eram mais fáceis de conversar com garotos, porém sempre tive problema com o sexo feminino. E, nesse últimos anos, as coisas melhoraram e pioraram.
Hoje estudo em uma escola em que não sofro bullying, fico um pouco mais tranquilo e tenho uns colegas legais, mas no começo do ano comecei a gostar de uma garota, a quem chamarei de N1. N1 era uma garota legal, que tinha gostos muito parecidos e a conheci por um amigo em comum porém no meio do ano, ela começou a namorar com um garoto e parou de falar comigo ( coisa que me deixou bem mal ) e eles ficavam se pegando no meio da sala de aula, o que me deixava meio incomodado, porém as coisas ainda pioraram.
Durante esse meio do ano ao qual fiquei mal, comecei a gostar de uma garota a qual chamarei de N2, bonita e popular, mas que sempre me tratou bem e me chamava de amigo, e, durante esses outros 6 meses, me apaixonei por ela, passava todas as aulas querendo fazer ela rir, contava piadas ( sempre fui péssimo nisso), ouvia como tinha sido o dia dela e sempre me preocupava com ela, uma das coisas que mais gostava de fazer era cheirar o cabelo dela, principalmente nos dias que ela o lavava, chegando ao nível de adivinhar quando ela o lavava e qual shampoo ela usou, chegava em casa e só ficava pensando/falando dela, e vivia pensando no seu sorriso.
No final de 2019/2020 eu mandei uma mensagem para ela me declarando ( coisa que foi um grande erro, visto que eu não conseguia falar isso para ela ao vivo ) e ela me respondeu dizendo que gostava de mim como amigo e que se desculpava se tivesse me feito mal ( pois ela se abria muito comigo e contava se tinha ficado com alguém ou estava gostando de alguém ) respondi para ela não se preocupar e beleza.
2 semanas depois ela começou a namorar com um garoto que ela tinha conhecido a 1 mês atrás, e no dia do seu aniversário, acabei não indo pois tinha medo de chegar lá e ver ela com ele, então acabei ficando em casa, triste. Quando nos voltamos as aulas, ela começou a ter uma mania de me contar sobre o seu relacionamento, desde as coisas que ele falava para ela até fotos dele, e, eu acabava não reclamando pois me sentia feliz dela me considerar amigo o suficiente para falar sobre essas coisas, porém isso me machucava muito, me deixava se sentindo um lixo. Cerca de dois meses depois eles terminaram ( ele traiu ela ) e, agora na pandemia, sinto que perdi o contato que tinha com ela, tenho vergonha/medo de falar com ela, e sinto saudades de ouvir sua voz, ver o seu rosto.
Me sinto um lixo por ter estragado a nossa amizade e me sinto o garoto mais bosta do mundo. Fico sempre pensando que sou um merda, o pior homem do mundo, que nunca vai conseguir ser ninguém pois é um covarde e fraco. Tenho uma mãe legal com quem consigo conversar, porém não consigo me abrir sobre essas inseguranças. Sinto como se eu fosse o único que não consegue ter alguém, seja um amigo ou namorada, e, sempre vi sobre esse esteriótipo de homem perfeito, que não chora nem sofre, e é um ombro amigo para as pessoas e, não consigo ser assim, muitas vezes deito em posição fetal e choro me sentindo um lixo, ou tento ficar jogando/lendo para esquecer minhas fraquezas. Nunca me considerei um garoto bonito, e, quando criança, não gostava de escovar os dentes, o que me fez ter 6 dentes estragados e 1 torto, agora tenho medo de beijar alguém, quanto mais sorrir, sinto vergonha de falar próximo das pessoas, estava indo ao dentista, porém com essa pandemia acabei parando.
Bom, esse é meu desabafo, e desculpe esse final ficar meio nice guy.
submitted by Yog-Shoghoth to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 22:24 keeponwalk1ng Sou homem, tenho 25 anos e sou virgem

Sempre fui muito, muito fechado até meus 18 anos. Até essa idade eu só tinha beijado na boca duas vezes, sendo a primeira aos 15. Quando completei 18 anos, mudei da água pro vinho e comecei a ter amigos, a sair, etc, e apesar de eu ser feio, algumas meninas bem bonitas se interessavam em mim e eu nunca ficava com elas por alguns motivos: 1) por serem muito bonitas pra mim, 2) por terem bem mais experiência que eu e 3) pelo risco de contarem pros meus amigos que eu não sabia transar. Nosso círculo de amizade era grande, então a fofoca rolava solta. Sempre que um amigo ficava com alguém, ouvíamos dos dois lados os detalhes da ficada. Então não era achismo meu. Com certeza alguém comentaria como foi, e se minha inexperiência ficasse óbvia (que acredito que ficaria), acabou pra mim. Por puro acaso, conheci uma garota de uma cidade a 3h da minha, e nos apaixonamos. Mas ela tinha 17 anos e eu 18, então eu tinha medo de irmos no motel e pedirem a identidade dela. É uma coisa boba, mas foi o que impediu que fossemos. Então namoramos 6 meses só beijando na boca mesmo. Terminado esse namoro, eu já com 19 anos, acabei entrando pra igreja e comecei a namorar 1 ano depois. Todo mundo sabe que, em tese, na igreja só transa depois do casamento. Eu e minha namorada realmente acreditávamos na religião, então nunca transando durante nosso namoro. O problema é que nosso namoro durou 5 anos. Terminamos há 6 meses por motivos à parte, íamos nos casar nesse ano mas o relacionamento não estava bom. Agora eu tenho 25 anos e sou virgem. Saí da igreja há 3 anos já, mas não ia pra festas porque preferia ficar com a namorada. Agora solteiro, até conheço umas garotas que ficam a fim de mim, mas eu me autosaboto e não transo pelo mesmo motivo da inexperiência. Eu já fui em um puteiro pra resolver esse problema de uma vez, mas broxei hahaha. Passei 1h conversando com a mulher várias coisas aleatórias e depois fui embora. Desde então eu estou tão encanado com isso que nem vontade de transar eu sinto mais, sendo que quando eu namorava o negócio era doido, tinha muita vontade todo dia. Hoje passo semanas sem nem vontade. Eu tinha 4 contatinhos, mas todas desistem de mim porque mostram interesse, mas eu sumo. Não chamo mais pra sair, não chamo pro motel (mesmo recebendo indiretas bem diretas). A insegurança é foda e não vejo solução. Lembrando que essas não são garotas que são apaixonadas por mim, elas só querem algo casual. São o tipo de meninas que se o sexo for ruim (e acho que vai ser), vai me bloquear de tudo e postar no Twitter alguma indireta sobre isso. Eu comecei a namorar aquelas duas garotas porque achei que elas teriam mais compreensão, e as duas realmente teriam, mas nunca chegamos nesse ponto e agora não tenho nem ânimo de arranjar uma nova namorada que vá ser compreensiva. Nem sei se existe, com minha faixa de idade. Enfim, só quis desabafar.
submitted by keeponwalk1ng to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 16:59 midnightroadstriker estou apaixonado novamente

eu sai de um relacionamento que era toxico pra mim, foi dificil terminar e saber lidar em estar sozinho, foi um namoro de 2 anos que começou no colégio e foi além dele, o relacionamento mais longo que tive. Porém, essa semana conheci uma garota mais nova que eu, sai com ela apenas uma vez, foi o melhor encontro que já tive na minha vida, foi do meu jeitinho sabe? eu pude ser EU, do inicio ao fim, sem medo, e eu não tiro ela da minha cabeça, e não sei como agir, eu não sei como é estar solteiro, não sei como tratar ou lidar com ela, ela tem 17, eu estou nos meus 20, e querendo ou não são outras realidades, eu estou na faculdade, ela ainda no colégio, eu não quero me precipitar e ficar muito encima, mas tambem quero vê-la novamente, quero mandar mensagem, nos já marcamos de sair novamente essa semana(Ela tambem adorou o encontro). e sobre eu não saber ficar solteiro, des que comecei a namorar, quando terminava uma relação começava outra, eu nunca fico solteiro, sempre tenho alguem comigo, toda vez que comecei a ficar com alguem se tornou algo sério, mas não quero colocar esse peso nela, nos só nos vimos 1 vez, eu to apaixonado. alguem tem alguma dica de como lidar com isso?
submitted by midnightroadstriker to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 07:26 ketlyn007 Eu sou babaca por me afastar do meu melhor amigo e da namorada dele?

Olá para todo mundo que está a ler, sou de Goiás então se quiser pode ler com o sotaque goiano. Essa é uma história recente então caso falte informações é por isso.
Eu sempre fui muito apegada com o meu melhor amigo/vizinho, nossas mães se conheceram antes do nosso nascimento (essa informação pode ser útil) então a gente se via muito e acabamos nós tornando próximos, eu contava sobre TUDO que acontecia na minha vida, até coisas extremamente pessoais como menstruação e paixonites, e esse meu amigo que chamarei de Rainaro nunca falava sobre os sentimentos dele e da saúde mental, coisa que eu já estranhava porque no meu ponto de vista éramos super amigos, porém eu deixei pra la, até que em uma das nossas conversas ele menciona uma tal de Lolitta e fala que está gostando dela, e eu como uma boa amiga fiquei feliz porque era a primeira vez que o Rainaro me contava sobre um relacionamento sério, parabenizei ele e peguei o número da menina que conseguiu fazer ele se endireitar para virar amiga e ficar próxima, nós nos falamos por mensagem durante meses e como o Rainaro fez uma festa (antes do coronga) convidou nós duas para nos conhecemos pessoalmente, foi maravilhoso (pelo menos no meu ponto de vista)
Ps: nesse meio tempo criei algumas amizades em comum com a Lolitta e minha amizade com o Rainaro não estava indo bem por causa dos ciúmes obsessivos da namorada dele, coisa que me chateou muito já que ele sempre foi meu porto seguro
Até que uns dias atrás uma amiga dela, a Carls me mandou a seguinte mensagem: olha eu tô cansada de ver isso então vou te contar, quando a Lolitta e o Rainaro começaram a namorar ela fez um grupo só pra falar mal de ti e dizia coisas do tipo "ela só fica perto da gente porque quer acabar com o meu relacionamento" "ele quer nos afastar porque gosta do Rainaro" "eu quero que vocês se aproximem dela pra saber se ela gosta do Rainaro"
E eu me senti traída pelo fato de sempre ter tentado ser a pessoa mais gentil possível pra ver a felicidade do meu amigo e ela falar aquelas e muitas outras coisas.
E a minha amiga ainda disse que ela só mudou de ideia quando me viu pessoalmente mas ainda falava que eu gostava daquele menino, então eu decidi falar com ela sobre esse assunto e ela falou que era mentira, que estavam me manipulando e as desculpas mais clichês possíveis. Só não mostrei os prints pra ela por causa dessa minha amiga Carls, só bloqueei ela e me afastei de qualquer assunto que envolta ela.
Sobre o Rainaro: ele soube sobre isso e falou que eu magoei a Lolitta e que "eu não liguei pros sentimentos dela " ainda disse que eu só me importava comigo mesma, e que nossas amizade não era a mesma, que eu nunca tava nos momentos ruins e mais um monte de coisa que me deixou bem triste. Hoje não nós falamos mais e ele finge que nem me conhece e eu faço o mesmo, já que na nossa amizades mesmo sem estar errada eu que tinha que pedir desculpas, não vou mais ferir meu orgulho por alguém que não se importa comigo.
Desculpem o textão
Então turma, eu sou a babaca?
submitted by ketlyn007 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.15 07:20 commiefairy meus quilos a mais estão virando uma obsessão

vou tentar resumir ao máximo pro texto não ficar tão chato quanto eu ando ultimamente.
bem, eu sempre fui uma criança gordinha, mas não era por não comer coisas saudáveis: é que eu sempre fui comilona kkkk mas infelizmente a genética não me favoreceu para eu poder exercer minha glutonaria em paz. sofri muito bullying dos coleguinhas, e quando eu chegava nos consultórios de pediatras eles já iam falando sobre como eu deveria comer mais legumes pra perder peso, sendo que eu já comia de tudo e não era nem de longe o motivo de eu estar lá (era quase sempre sobre rinite/alergias)
quando fui entrando na adolescência, fui perdendo peso e fiquei "normal", mas ainda odiava meu corpo, principalmente minha "pochete". quando estava no ensino médio+técnico passava o dia inteiro sem comer e já passei mal de fome algumas vezes por isso, mas eu estava sempre sendo elogiada por isso, minha vida amorosa estava indo muito bem, obrigada...
daí entrei na faculdade. por ser um curso noturno, eu passava o dia em casa, acordava tarde, batia aquele pratão de comida de mãe (que por sinal é uma excelente cozinheira), chegava na facul e ficava espiando os salgados da cantina, comecei a namorar um "magrelo solitária" que me levava pra lanchar toda semana... aí já viu. de 2018 pra cá meu peso só foi aumetando, saí do IMC normal pro sobrepeso.
aí chegou 2020. comecei o ano surtando depois das festas de fim de ano, tentei fazer o mesmo esquema do ensino médio (o que ficou mais difícil de fazer depois que minha mãe fuçou minhas mensagens com meu ex-namorado e descobriu que eu ficava sem comer o dia todo por me achar gorda), comecei a fazer taekwondo na associação de esportes municipal... estava tudo indo bem, eu perdi uns quilos, mas aí chegou a temida quarentena.
aí o que já estava ruim ficou pior: juntou a suspensão dos treinos, a preguiça de estar trancada em casa, o estresse de atrasar minha formatura antes prevista pra dezembro, o estoque infinito de pães e doces... chutei o balde. meti o pé na jaca como ninguém, e tentei ao máximo não me estressar com isso. "depois da quarentena eu resolvo", eu pensava... mas aí a porra da quarentena não teve fim!
agora cá estou, com 1,54m e 67kg, e não consigo pensar em outra coisa além do meu peso. além do meu peso ter voltado a ser assunto recorrente aqui em casa, estou cada dia mais horrorizada com meu reflexo no espelho. arrumei um emprego meio período e tive dificuldade de entrar nos meus jeans de 2019, e agora em dezembro vou viajar pra casa dos meus parentes (sou nordestina), e quando vou pra lá é certeza de ganhar pelo menos 1-2kg.
antes que alguém diga algo: sim, comecei a fazer caminhada todo dia desde semana passada e andar de bicicleta aos domingos, agora que já estou saindo mais de casa. também estou contando calorias (como eu fiz no começo do ano e deu certo), e considerando ir pra academia também. ou seja, não estou parada esperando 10kg de banha sumirem do meu corpo magicamente.
pra ser sincera, nem sei por que caralhos eu tô me expondo desse jeito nesse site com usuários de comportamento questionável. talvez eu só esteja cansada de encher o saco dos meus (poucos) amigos com essa merda, já que os gordos ficam mal com as merdas que eu falo e os magros acham que é frescura/reclamam dos "males de ser magro". talvez eu só queira desabafar com esse suposto vácuo que é a internet... enfim, desculpe pelo textão enorme. espero que vocês estejam bem.
submitted by commiefairy to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 06:40 levi-3 Como superar ou não ligar pro passado da namorada?

Olá, como vcs estão?
Tenho 18 anos e já tem uns 6 meses que eu tô com a minha namorada. Eu gosto MUITO dela, porém o passado dela me deixa meio inseguro as vezes.
Bom, quando eu a conheci eu me aproximei dela e descobri que era uma garota realmente interessante, ela é 1 ano mais velha apenas.
Antes de namorarmos éramos amigos e ela me contou sobre relacionamentos que ela teve e tals, não há nada que eu não saiba.
Porém eu era virgem até começar a namorar com ela, minha primeira namorada. Ela perdeu a virgindade com 15 e ja se relacionou com alguns garotos antes de mim.
Ela nunca fala sobre nenhum deles pq era algo q me incomodava de certa forma, ela também nunca me comparou com nenhum outro. Ela é sensata ksskdd
Quando eu estou com ela nada importa, mas as vezes no trabalho ou antes de dormir me vem alguns pensamentos que corroem. "E se eu não sou bom como os outros?" "E se eu não satisfaço ela como os outros?" "Será q perto das amigas dela, ela fala que sente falta da pegada de fulano ou de como ciclano fazia bem?"
E me vem alguns pensamentos de "Devia ter metido mais o loko", eu era e ainda sou uma pessoa "nerd" que ficava em casa estudando ao invés de sair e transar ou beber.(se vc faz isso, eu tenho inveja)
Ela sempre foi muito compreensiva e paciente quando eu estava "aprendendo" e isso é incrível. Vi que ela já não age como agia dos 15 aos 17, é uma pessoa totalmente diferente, mas eu fico inseguro da mesma forma.
Obrigado por lerem <3
submitted by levi-3 to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 05:44 XimiraGelo Pressão pra Namorar

Eu tenho 24 anos e nunca namorei. No meu círculo de amigos, eu sou o único que ainda está solteiro, e com isso eu me sinto pressionado em ter que namorar logo. Sei que isso é paranóia da minha cabeça apenas, mas isso está me afetando muito negativamente, porque por conta dessa "pressão", eu fico com muita carência emocional. 1 semana falando com uma mulher e eu sempre já acho que estou apaixonado e entro de cabeça na relação achando que é recíproco, e acabo estragando tudo.
submitted by XimiraGelo to desabafos [link] [comments]


2020.09.14 15:11 FlavioKD9 Estou desistindo de mim

Bom, cá estou eu novamente desabafando porque não tenho com quem conversar sobre isso.
Esse fim de semana foi a gota d'água, e acho que não só pra mim, pela primeira vez eu vi minha mãe chorar e dizer que não consegue ser feliz no trabalho nem em casa. Eu tentei (e consegui) por muito tempo fingir que eu estava bem, só que as coisas estão piorando, noites sem dormir, várias vezes quando meus pais estão em casa eu vou no banheiro pra chorar, e não ando tão animado assim quando eu era há uns 5 anos atrás.
Tenho tido várias crises de ansiedade, começa a me faltar o ar, coração acelera, e eu começo a chorar. Todo dia tenho uma, só que durante a semana, meus pais trabalham a maior parte do dia, basicamente só vejo eles de noite, então dá pra esconder. Já pensei várias vezes em me matar, porque seria a opção mais rápida e fácil.
Eu fui criado em uma família evangélica, sempre acreditei em Deus e tudo. Só que estou sentindo que se ele existiu e existiram vidas passadas, eu fui uma pessoa que jogou pedra na cruz. Nasci com uma pancada de problemas respiratórios, vivi minha infância toda indo no hospital, meus pais não tinham casa própria, eles moravam com minha avó, que na verdade era um quarto que cabia uma cama e algumas outras coisas. Meus pais passaram por muitos problemas, e eu me acho um lixo por estar pensando em me matar hoje, sendo que eles passaram por coisas piores. Só que eu sinto uma dor que não dá pra explicar, e eu só quero que ela suma pra sempre.
Sou uma pessoa muito sonhadora e odeio isso. Sonho em namorar uma cantora famosa que eu acompanho a quase 10 anos. Sonho em compartilhar coisas maravilhosas da vida com essa pessoa. Sonho em viver de música, poesia, arte, atuação, produção pra rede social. Sonho em ser rico e poder ajudar pessoas que não tem condição de ter um prato de comida na mesa. Sonho em ajudar pessoas com a arte, porque muitas pessoas me ajudam hoje, acredito que a arte é o que me mantêm. Sempre fui ligado a música, nesse momento enquanto escrevo esse post, estou escutando música. Parece que é um filme, e a trilha sonora tá tocando sempre.
Só que ao mesmo tempo, há outros empecilhos que me frustram e pensam que eu nunca vou conseguir realizar um sonho. Tenho mordida aberta, e consequentemente problemas na fala, odeio minha voz, odeio minha aparência, na verdade, não gosto de nada em mim. E já não é de hoje. Eu sempre quis ser muito sociável, mas nunca consegui manter amigos. Hoje, me vejo sozinho e nem estou aberto a ser sociável.
Vivi mais de 10 anos da minha vida fazendo tudo sozinho. Eu aprendi a ficar sozinho, tanto que hoje, eu não consigo ficar tanto com meus pais, e eu sei que isso machuca eles. Eu tento ficar, mas logo surge um comentário racista, uma piada sem graça, ou então ficam reclamando do trabalho. Eu sinto que eu sou o problema, porque se eles não tivessem um filho pra cuidar, eles não teriam que se matar de trabalhar, meu pai poderia ter seguido o sonho dele, minha mãe podia ter estudado.
Eu sei que sou uma pessoa ingrata, que tem um bilhão de pessoas em situações milhões de vezes piores que a minha. Só que eu também sei que eu tenho uma data limite, que eu to chegando nela. Eu tô desistindo de mim, quando começo alguma coisa, no começo eu fico empolgado, só que logo penso que nunca vou ser bom naquilo, e logo desisto. Como já falei dos sonhos, eu penso neles, mas logo vem o famoso "você nunca vai conseguir isso, nem tenta", e cada vez que isso acontece, parece ser mais certo que não vai acontecer.
Tenho 22, era pra mim estar começando a realizar meus sonhos, mas eu estou aqui, sem conseguir conversar com alguém que não seja uma pessoa desconhecida na internet, sem conseguir forças pra levantar da cama de manhã. Eu comecei a meditar semana passada, e foi uma das poucas coisas que aliviou um pouco minha ansiedade. Mas, depois de uma hora, ela volta e volta pior. Resumidamente, eu não sei mais o que fazer, eu to desistindo de mim mesmo, vendo meus sonhos fugirem pela janela, vendo o tempo passar, vendo as pessoas realizarem os sonhos delas. Nem sei porque estou escrevendo esse post, se daqui 1-2 dias tudo vai voltar a estaca zero.
submitted by FlavioKD9 to desabafos [link] [comments]


2020.09.14 01:21 irikaraha Basicamente minha vida

Não precisa ler, só queria tirar esses pensamentos e colocá-los em um lugar.
Quando saí de uma escola aonde eu tinha muitos amigos e entrei em outra, devia ter por volta de 9 anos. Eu tenho descendência japonesa, então mesmo naquela idade, algumas pessoas ficavam me xingando e meio que me evitando.
Acabei me acostumando, mas quando soube do que acontecia, ela me mudou de escola. Não demorou muito tempo para que tudo se repetisse. Fiz algumas amizades, mas elas acabaram e algumas eram falsas. Novamente, minha mãe soube do que acontecia, eu não contava para ela, mas ela me pressionava tanto para que eu contasse se algo estava errado que eu acabei cedendo. Ela me mudou de escola e me colocou em um psicólogo, mas tive que parar de frequentar por causa do dinheiro.
Na próxima escola, que é inclusive a que estou novamente, eu não diria que sofro bullying, só sou evitado por todo mundo. Não sei o motivo, talvez seja o meu cabelo ou a minha personalidade.
Acho que seria melodrama falar que minha vida é uma merda. Não é tão ruim; apenas uma vida sem graça, sem muito sentido e sem altos e baixos. Tudo preto e branco.
Suspeito que eu tenha desenvolvido uma espécie de fobia social, ao longo desses anos. Tenho dificulde em cumprimentar o porteiro e em pedir informação a alguém na rua. Infelizmente, no início do ano me apaixonei por uma garota. Desde então, não há um dia em que eu não penso nela. Me sinto hipócrita, porque me apaixonar e namorar sendo um adolescente era contra meu planos, algo que nunca consideraria. Não penso em me declarar e em tentar alguma coisa, apenas espero esse sentimento de paixão doentio acabar.
As coisas não tem estado muito bem aqui em casa. Minha tia está com câncer, meu primo viciado está dando problemas para minha vó, e minha mãe anda sofrendo bastante com isso, o que me deixa triste.
TLDR: apenas um jovem normal desabafando.
É isso
submitted by irikaraha to desabafo [link] [comments]


2020.09.13 22:39 TravsTravinho Por que as pessoas têm medo de assumir um namoro? Por que é tão difícil mergulhar no amor e aproveitar os bons momentos?

Eu (20H) conheci esse menino (19H) no Tinder faz alguns meses, acho que há uns 4 ou 5 pra ser mais exato. Ele é bem bonitinho e é o meu tipo rs, mora em uma cidade que fica meia-hora de estrada da minha. Eu me divido entre morar aqui e em outra cidade (300km de distância) onde faço faculdade, e ele faz faculdade do outro lado do Brasil. Ambos estamos de volta nas nossas cidades natais por conta da quarentena em 2020 e das aulas estarem rolando online.
Nós conversamos alguns dias sem parar por mensagem, eventualmente esquecemos um pouco, mas depois voltamos a conversar por ter dado um segundo match no Tinder, daí fui bem direto, já que nunca consigo um date nesse raio de aplicativo e resolvi chamá-lo pra sair (isso em Julho). Saímos, ele veio pra cá, e como eu tenho carro a gente começou a dar bastante rolê por aqui, e depois eu sempre levo ele de volta na cidade dele, ficamos sempre batendo papo até de madrugada no carro. Contudo, ele não pode ficar aqui em casa e nem eu posso ficar na casa dele, porque ambos estamos ficando na casa dos pais.
A maneira que achamos de ter um momento foi a de irmos para a cidade onde faço faculdade, lá eu tenho minha casa e podemos passar um tempinho mais íntimos. Acho que no nosso quarto date fomos passar uns 4 dias lá. De qualquer forma é meio caro, e pegar um avião pra cidade dele não é uma opção também, pelo menos não agora com o preço das passagens. Normalmente fazemos sexo no carro perto da casa dele, e sim, eu sei, é triste a vida do gay que não pode ter intimidade com alguém.
De qualquer forma toda semana a gente se encontra, ele não tem tanta grana e acaba que eu pago muitas coisas pra ele. Durante o mês de Agosto, entre a viagem pra minha cidade, idas e voltas da cidade dele, restaurantes e gasolina eu acabei gastando 2.100 reais!!! Eu não sou rico nem nada, eu só ganho uma boa bolsa de 1.500 reais pela faculdade, que não tenho usado pra nada esse ano (to na casa dos meus pais desde Março) e tenho um tantão desses meses todos guardado na poupança para viajar ano que vem.
Estamos muito bem até então, passamos noites e noites conversando no Discord, vendo Netflix juntos. Ele já sabe muito sobre a minha vida, sobre meus relacionamentos passados, meus amigos, minha família e eu sei sobre o dele, incluindo o péssimo passado que ele teve com um ex-namorado abusivo. Ele me diz que sempre foi um inocente apaixonado, e se jogou muito facilmente nesse relacionamento com o ex, o que gerou muitos traumas, crises de pânico, rolou traição e mais um monte de coisas bem pesadas que não quero falar aqui.
Eu sou um cara bem de boa, ele diz que eu sou um príncipe, que nunca conheceu alguém que o tratasse tão bem, que fosse tão inteligente, atencioso. Acho que parte disso é que nos meus relacionamentos passados eu aprendi a me importar muito com quem eu amo, e realmente, eu sempre faço muitos elogios pra ele, tento fazer ele se sentir seguro, e por mais que ele tenha dificuldades de acreditar que alguém realmente gosta dele, sempre gosto de afirmar como ele é importante, autossuficiente, e merece tudo de bom no mundo, que ninguém mais pode fazer com ele o que o ex fez. Eu sou o tipo de namorado que mostra o quanto gosta e se importa desde coisas pequenas, como abrir a porta do carro , até imaginar que eu me jogaria na frente de um tiro por quem eu amo, e eu o amo. Amo muito, nunca conheci alguém assim, e eu sei quando é paixão e quando é amor, sou novo, mas eu sempre fui meio precoce rs e precisei amadurecer muito cedo na vida.
Ele disse que me ama primeiro, não sei, eu aprendi a não admitir isso tão cedo, ver onde estou pisando e ver se realmente há reciprocidade. Posso tecer mil elogios mas só digo que amo quando tenho certeza. Tudo parece muito perfeito (exceto pelo dinheiro rs), mas ele não quer namorar, ele tem medo, muito medo. Medo de se entregar e fazerem de novo com ele o que ele sofreu, medo de que algum príncipe como eu resolva mudar meu jeito repentinamente e vire um monstro, usando da dependência emocional dele como arma, chantageando, traindo, etc. Medo de voltar para a cidade da faculdade dele e estar preso em um relacionamento com alguém há quase três mil quilômetros de distância, por mais que eu não veja problema em voar até lá para vê-lo. Medo da palavra “namorado”.
Sério, a gente já faz tudo que um casal de namorados faria, talvez seja meio cedo, mas ele diz que não quer ficar com outras pessoas além de mim, e eu digo o mesmo, ele diz que me ama e que não vê o dia dele sem falar comigo, que não consegue ficar longe de mim por muito tempo e já morre de saudade quando a gente se despede, ficamos conversando no carro, ouvindo música, mostrando qualquer coisa no celular um pro outro até a bateria acabar e perdermos noção do tempo. Já cheguei em casa 5h da manhã uma vez sem saber que horas eram ou por quanto tempo ficamos juntos. Ontem assistimos um filme em call pelo Discord e eu assisti ele dormir por umas duas horas enquanto eu estudava para uma prova que fiz hoje cedo, e quando ele acordou no meio da noite disse que não queria desligar, que queria dormir sentindo como se estivesse comigo, abraçando o travesseiro. Mesmo assim, ele não quer me chamar de namorado.
Mas, se o sentimento que eu sinto por ele é tão bom e puro, se nosso amor é tão saudável e cresce cada dia mais, por que precisamos nos segurar e não nos jogar no amor? Como pode uma pessoa traumatizar outra a ponto de alguém ter tanto medo de uma palavra?
submitted by TravsTravinho to desabafos [link] [comments]


MC VALLE - Vem Me Namorar (LETRA) - YouTube Chiquititas - Mosca pede Mili em namoro - YouTube Edu Ribeiro - Me Namora - YouTube Thiago Brava Ft. Jorge - Dona Maria - YouTube Em Pé Na Rede - YouTube Zé Felipe - My Baby (Clipe Oficial) - YouTube PEDINDO PROFESSORA EM NAMORO..*AINDA ME MANDOU NUDS* BRUNO PEDE FATINHA EM NAMORO- Malhação 2012 Ja sei namorar tribalistas - YouTube Pedi a minha melhor amiga em namoro? Avakin life 💕💍 - YouTube

Grupo whatsapp moças solteiras Grupos do Zap

  1. MC VALLE - Vem Me Namorar (LETRA) - YouTube
  2. Chiquititas - Mosca pede Mili em namoro - YouTube
  3. Edu Ribeiro - Me Namora - YouTube
  4. Thiago Brava Ft. Jorge - Dona Maria - YouTube
  5. Em Pé Na Rede - YouTube
  6. Zé Felipe - My Baby (Clipe Oficial) - YouTube
  7. PEDINDO PROFESSORA EM NAMORO..*AINDA ME MANDOU NUDS*
  8. BRUNO PEDE FATINHA EM NAMORO- Malhação 2012
  9. Ja sei namorar tribalistas - YouTube
  10. Pedi a minha melhor amiga em namoro? Avakin life 💕💍 - YouTube

Um grupo de humor composto por Murilo Couto, Rominho Braga, Victor Camejo e Osmar Campbell. Nos apresentamos toda semana em São Paulo/SP, ingressos em http:/... Amiga Obrigado por sempre estar comigo nos momentos mais difíceis. Você me deixa feliz sempre, espero q goste.... 💍 A Professora que deu em cima do aluno - Duration: 2:25. Wanessaa Pink 124,632 views. 2:25. Paquerou a professora e pediu nuds ( olha o que deu !) parte 2 - Duration: 2:03. Aqui otro video lindo tema tocado por mi https://www.youtube.com/watch?v=Kq4VpL6k2ls Essa música faz parte do álbum 'Zé Felipe Ao Vivo Em Goiânia'. Para ouvir nos apps de música, clique no link: https://SomLivre.lnk.to/Ao_Vivo_Em_Goiania_ZeFe... Sigam ele no insta: @mcvalleoficial - Instagram Pessoal: @nyel_evander Entre em contato Envie sua música no E-mail: [email protected] ® Todos os di... Assista e ajude o canal: https://www.youtube.com/watch?v=N7tonBJatKM Inscreva-se neste canal: https://www.youtube.com/channel/UCrdttOKW8i4P-uGiIlWN1jg Inscreva-se no Thiago Brava e assista os clipes antes de todo mundo. https://goo.gl/hU6QOR Intérprete: Thiago Brava ft. Jorge Música: Dona Maria Composição: ... Mosca pede Mili em namoro, ela aceita e eles se beijam. Nesse vídeo Bruno e Fatinha ficam presos na casa e depois de um tempo juntos Bruno pede Fatinha em namoro. Espero que gostem! Deixe seu like, se inscreva e ative o sininho de notificações ...